07/01/2011

Eita

Eita!
Percussão
Desritmada
Incompreensivel
Desatinada
Vai, coração moleque,
Desenfreado!
Sei... Não é pretensão,
Loucura
Ou coisa assim
Essa verdade
Quem manda o recado
É o pulso
O sangue
Na rodovia das vêias
O comando vital
Que lembra
Malandragem,
Samba no pé...
É a batida da VIDA
Num sorriso
Guardado a 7 chaves
Numa CABANA inesquecivel
Da "Ilha Sentir"
por Liza Leal

8 comentários:

as arteiras disse...

Olá, In Natura!

"É a batida da VIDA
Num sorriso
Guardado a 7 chaves
Numa CABANA inesquecível
Da "Ilha Sentir"."

E onde cada um sabe onde guarda a sua chave.
Uma boa semana prá vc!
Bjs!!
As arteiras

Tatiana disse...

A nossa ilha do sentir mais puro é o Coração...

Que linda a imagem e todas as palavras!

Tenha uma ótima semana!

Beijos

teca disse...

"Eita" digo eu! Que blog mais porreta eu acabei de conhecer.
Sorte a minha ter passado novamente no tossan e reparado aquele link abençoado que me trouxe até você.

Um beijo carinhoso deixando desejos de felicidades e realizações.
"Gostei" é pouco de dizer... gamei foi muito!

netuno artes disse...

Olá beijão prima,
ótimo texto,
perdoe aq demora de vir aqui . . .
tentando retornar,
bjs netunianos

Ed disse...

Eita que gostei do ritmo de Liza. Muito bom e embora eu não seja de carnaval, vou remedar Chico Buarque: "Tô me guardando para quando o carnaval chegar..." :) Bjos.

Sonia Schmorantz disse...

É lindo, Silvana!
Saudades
beijo

Armindo C. Alves disse...

Rigor, exigência, sensibilidade, cultura e saber..."In Natura".

Abraço.

Danielle Macena disse...

muito bom
passa la no meu depois
http://segredosdedanielle.blogspot.com/