22/07/2010

Carapuça

Que personagem avaro
consegue ver o céu
com indiferença?
Com a sua cara bizarra,
parece vermes
das fezes de abutres!
É formado por contágio directo,
transformado em parasitas.
No corpo vegetativo
é um protozoário na propriedade alheia.
Uma tonelada de anti virose
não seria o suficiente para imuniza-lo,
não reage mais, não há cura...
Não consegue labutar,
colhe os frutos sadios,
suga a carniça do próximo
e ainda critica o melhor sucedido.
Só quer o poder pelo poder.
Um chatim!
por Tossan

11 comentários:

tossan® disse...

Isso está parecendo com os tempos da ditadura! Sabe lá com nova presidente eu acho que vai ser assim mesmo viu? Esse poema eu fiz nos anos do "Ame ou deixe" Você vasculhou os meus arquivos não é? Tudo bem ficou muito bom! Faça como eu vote nulo. Beijo

myra disse...

voce tem toda a razao, poder pelo poder e é assim no mundo inteiro, ingelizmente...e como sempre uma foto otima!
obrigada pelo comentario!!
abraços, se quiser e tiver tempo vai ver o novo episodio no .
www.expressodalinha.blogspot.com

me diverte ler a minha"telenovela"!!!

ROSANA VENTURA disse...

..amei este texto!

"suga a carniça do próximo e ainda critica o bem sucedido..."...porque será que infelizmente isto soa tão familiar em nosso Brasil???
bjossssssssss

C@urosa disse...

Olá querida In natura, tá parecendo os "chatim" que povoam a nossa bela capital federal, tá tudo dominado, pelo mal, Deus nos livre...Outubro vem aí...

forte abraço

C@urosa

EDUARDO POISL disse...

Ainda bem que você vasculhou os arquivos do Tossan pq este é um belo texto.

Obrigado pelo carinho, Beijos

Tatiana disse...

Muito bom poder estar aqui novamente apreciando a riqueza das suas postagens.
Saudades daqui e de você!
Um beijo carinhoso

Sonia Schmorantz disse...

Que maravilha está o visual deste teu espaço, ao menos o poder da natureza é democrático e dá sentido a esta atribulada vida, onde quem pode mais chora menos...
beijos amiga, saudades de vocês
uma linda semana

Celamar Maione disse...

E tá cheio de " chatim" por aí....
Gostei.

Beijão

poetaeusou . . . disse...

*
naturas
as palavras do tossan,
,
parabens pela escolha,
,
conchinhas, deixo,
*

Ed disse...

Forte o poema mesmo. E ter sido escrito nos tempos de "Brasil, ame-o ou deixe-o" é para não permirtirmos que novamente aconteça. Bjos.

as arteiras disse...

Olá, In Natura!
Adorei o poema que postastes.
É preciso que o povo acorde para a realidade.
Não espere para ver, como é que fica.
Um lindo final de semana!
Bjs!!
As arteiras